Porto Alegre, 28 de maio de 2017
Por que amo Porto Alegre?
Escrito por Vereador Elizandro Sabino   

 

A capital dos gaúchos é uma cidade que encanta a todos devido sua diversidade em opções de lazer, cultura e por sua beleza natural. Impossível conhecer esta cidade e não se apaixonar.

Aqui temos o pôr do sol mais belo do país, e pode ser apreciado as margens do único lago chamado de rio, o Rio Guaíba. Ao longo de seus 470 quilômetros quadrados, o Guaíba percorre outros pontos turísticos de Porto Alegre, a exemplo da nossa Ipanema, que divide sua orla em bares e restaurantes de um lado, ciclovia e calçadão de outro, oferecendo lazer e esporte com uma bela paisagem. Outro ponto turístico as margens do rio é a Usina do Gasômetro, com sua charmosa chaminé de 117 metros, reúne, diariamente, centenas de pessoas para contemplar o pôr do sol. A usina do Gasômetro, além de lazer, proporciona opções culturais a seus visitantes, pois conta com galerias de arte, teatro, cinema, livraria, Museu do Vinho e Enoteca.

Em se tratando de cultura, Porto Alegre é repleta de opções, a começar pela Casa de Cultura Mário Quintana, com sua bela arquitetura cor de rosa, é um patrimônio tombado, que leva este nome em homenagem ao escritor que lá residiu por 18 anos. A Casa de Cultura é um complexo cultural que reúne teatro, cinemas, galerias de arte e cafés. E ainda conta com o apartamento 217, último quarto ocupado pelo saudoso Mário Quintana, ainda decorado como o poeta o deixou.

Outra bela arquitetura, que tem o seu prédio como patrimônio tombado é o Theatro São Pedro, que além de peças teatrais, teve seu papel social ao longo da história, quando arrecadou dinheiro para as vítimas da I Guerra Mundial e abrigou uma escola de Enfermagem durante a II. Não há como não mencionar a Feira do Livro, realizada no mês de outubro, há mais de 50 anos, na Praça da Alfândega. Este é um programa cultural que alcança a todas as camadas sociais e oportuniza, além da aquisição de bons livros com descontos, ainda é possível apreciar apresentações artísticas.

Para aqueles que buscam programas culturais ao ar livre, Porto Alegre conta com o Jardim Botânico, um dos cinco maiores do país que já se tornou referência em pesquisa científica. Lá é possível apreciar uma grande variedade de espécies botânicas e visitar o Museu de Ciências Naturais, que além de plantas, apresenta a seus visitantes uma coleção de répteis, peixes, anfíbios e insetos. Outra boa opção de passeio ao ar livre é percorrer os 500 metros da Rua Mais Bonita do Mundo – Rua Gonçalo de Carvalho. Localizada no bairro Independência, a rua ganhou este título depois que suas fotos percorreram o mundo, através da internet, mostrando toda sua beleza natural com seu túnel verde com 18 metros de altura e paralelepípedos originais. A rua ainda se tornou patrimônio histórico, ecológico e cultural de Porto Alegre.

E por falar em patrimônio histórico e cultural da nossa capital, devemos mencionar as belas arquiteturas como: Mercado Público, Chalé da Praça XV e Colégio dos Presidentes.

Construído há mais de 140 anos, com uma bela arquitetura neoclássica, o Mercado Público é um centro de compras dos porto-alegrenses e turistas, pois em suas diversas bancas encontramos desde gastronomia até produtos típicos da cultura rio-grandense, onde, entre tantas opções, podemos comprar produtos para o tradicional churrasco de domingo. Outra opção de gastronomia, localizada em frente ao Mercado Público, é o Chalé da Praça XV, bar e restaurante tradicional da cidade, por onde passaram grande políticos e intelectuais para discutirem política, filosofia e assuntos cotidianos da cidade. Atualmente, após grande reforma, possui um deque ao ar livre e o seu salão envidraçado, cenários perfeitos para pequenas reuniões e happy hour.

Outro prédio histórico de Porto Alegre que traz muito orgulho aos porto-alegrenses, não só por sua bela estrutura, mas também por tudo que representa, é o Colégio Militar de Porto Alegre, também conhecido como o Colégio dos Presidentes, uma vez que lá estudaram Getúlio Vargas, Eurico Gaspar Dutra, Humberto de Alencar Castelo Branco, Artur da Costa e Silva, Emílio Garrastazu Médici, Ernesto Geisel e João Baptista de Oliveira Figueiredo. E até os dias de hoje o Colégio Militar se destaca pela boa qualidade de ensino.

Falar desta linda capital sem mencionar o tradicionalismo que aflora em seus habitantes seria um erro. Por isso, tenho que ressaltar o orgulho de ser gaúcho deste povo que, todo ano, no mês de setembro, monta o tradicional Acampamento Farroupilha no Parque da Harmonia, onde mais de um milhão de pessoas circulam para comemorar a mais duradoura guerra civil armada em território nacional. Outro símbolo do tradicionalismo gaúcho está localizado na entrada da cidade, como sinal de boas-vindas aos turistas que desembarcam no aeroporto, trata-se do Laçador, homenagem a um dos criadores do Movimento Tradicionalista Gaúcho, Paixão Cortes.

Por fim, o Parque Farroupilha, passeio tradicional dos finais de semana dos porto-alegrense, também conhecido como Parque da Redenção, este ponto turístico reúne diversão para todos os gostos e idades. No parque temos o Brique da Redenção, Feira Ecológica, Parque de Diversões, bares e restaurantes, sem falar dos belos monumentos existentes como o Expedicionário, é um ótimo local para saborear um bom chimarrão.

Por isso amo Porto Alegre, e no seu aniversário de 242 anos quero parabenizar nossa linda capital e reafirmar meu amor por nossa cidade.

Parabéns, Porto Alegre!

 

 

Elizandro Sabino - Advogado e Vereador de Porto Alegre